PROENÇA-A-VELHA
Evolução Histórica e Administrativa Até 1218 pertenceu a Idanha-a-Velha, a antiga Egitânia. 1218 - Em Abril de 1218 recebe foral de D. Pedro Alvites, mestre da Ordem do Templo, em carta concedida com beneplácito de D. Afonso II e D. Urraca.
DEIXO O VENTO PASSAR
__ --- M

...Tu que passas pelo meu blog mesmo não sendo convidado, não te retraias e comenta, dizendo o que te vai na alma. Mas por favor usa linguagem própria e não ofendas quem, embora não te conhecendo, só te deseja o que de melhor o mundo tem.Afonso...

M FOTO DE PROENÇA E SLID
widgets

2

10
Jun 10

 

 

RIO TORTO...

 

QUE LINDO FOSTE !!!

 

RIO TORTO QUE TRISTE ÉS !!!

 

A propósito de um comentário que há dias li no http://prohensa.blogspot.com/, da autoria da nossa conterrânea proencense e minha particular amiga São do http://soumaiseu.blogs.sapo.pt/,”Que bonito que é o nosso Rio Torto cheio de flores e limos primaveris!”,não pude deixar de aqui no meu http://aaladosnamorados.blogs.sapo.pt/, postar algumas achegas endereçadas em especial a todos os proencenses que, devido à pouca idade não chegaram a conhecer aquele troço do nosso Rio Torto, em especial no que se refere às laterais da ponte, mais ou menos um quilómetro para cada lado.

Na verdade, e com toda a consideração que me merece o comentário da São, acho que o mais correcto seria “QUE LINDO FOSTE E QUE TRISTE ÉS MEU RIO TORTO”.

LINDO, como eu o conheci ladeado nas suas margens por belas e produtivas hortas, onde eram cultivadas todas as espécies hortícolas e todo o tipo de frutas que eram a base da alimentação de toda a população de Proença.

Podia mesmo sem exagero afirmar-se que, cada detentor da sua horta, fazia dela o seu “brinquedo” favorito e era com elevado orgulho que toda a família dela tratava.

Todas as hortas, dependendo do seu tamanho, tinham um ou dois poços. Deles se extraía a água com que se regava tudo o que nelas se cultivava.

No verão era um regalo ouvir o “chiar” das “burras” quando se estava a tirar a água para a rega.

Era também um espectáculo de beleza ver o “sobe e desce” do “varal” puxando o “cambão”naquele movimento de tirar a água do poço.

Chegava mesmo, sem que uns dos outros se apercebessem, a haver uma disputa para ver quem tirava a água mais rapidamente e isto era verificável pelo movimento mais ou menos rápido do “vai vem” do varal o qual como é de deduzir, na sua extremidade tinha preso um balde que trazia a água do fundo do poço.

Mas além de toda a beleza que o nosso Rio nessas épocas detinha, é justo aqui lembrar que, era também nele que a maioria das mulheres de Proença lavavam as roupas da família e era também neste nosso Rio que os jovens, em especial rapazes, se banhavam e aprendiam a nadar.

TRISTE, porque dessas hortas NADA EXISTE; dessas árvores de fruto, NADA EXISTE; dessas hortaliças nada existe e mais triste que tudo isto, dessas gentes que ali tanto suor verteram, NADA EXISTE; NADA FICOU.

SÓ A SAUDADE; SÓ A RECORDAÇÃO E SÓ O AMOR POR ELES NOS RESTOU.

QUE DEUS OS TENHA EM PAZ.

 

 

RIO TORTO....RIO TORTO

O QUE TE FIZERAM?

Que saudades

 

A tua água na qual tantas vezes me banhei

As tuas hortas criadas com tanto dor e amor

A roupa que em ti lavavam e branqueavam

E os pinhais que ladeavam as tuas margens?

 

Tudo pereceu meu saudoso Rio

 

Ficaste só e abandonado!

Já não tens a companhia daqueles grupos de jovens que aos Domingos em ti se banhavam.

Agora impera o silêncio em ti e por isso

Estás triste porque estás só

Estás triste porque te deixaram só.

 

Mas, mesmo triste, abandonado e só, continuarás a ser sempre para mim

O MEU RIO,

O RIO DA MINHA SAUDADE

O RIO DA MINHA DISTANTE MOCIDADE.

 

 

(Nota para os mais novos: o engenho com que se tirava a água dos poços, era composto por: forcalha, cambão e varal, nomes usadas em Proença)

 

FAfonso

publicado por AALADOSNAMORADOS às 21:22
Olá, Afonso!
Bemvindo de volta! Já tinha saudades dos teus "tungas"! :-)
Eu também me lembro de algumas das coisas bonitas que falas em relação ao nosso Rio Torto! Lembro-me da minha Avó lavar a roupa na ribeira (como eu gostava, meu Deus, de chapinhar ao lado dela, molhar os pés e ficar à espera que os peixinhos minúsculos me viessem dar "beijinhos" nas canelas). Que saudades! Também me lembro das hortas todas elas bem cultivadas e verdejantes, e do som das burras a trabalhar, adivinhava-lhes sempre àgua fresca acabada de sair das entranhas da terra... dos motores de rega que puxavam a àgua do Rio para regar as àrvores e as hortas... do cheiro a terra molhada e a gasolina que ficava no ar... dos rapazes, o João Adolfo por exemplo, entre outros (os filhos do Vinagre e do Arlindo...), que vinham tomar banho para o charco dos Maneios... e da cara da minha avó, sempre muito preocupada, não fossem eles vir matar a sede com a fruta do "Moinho"! Tens razão! Este Rio Torto de que ambos falamos já não existe, ficou há muito perdido nas nossas memórias, mas ainda assim continuo a achá-lo um Rio muito bonito, sem o explendor de outrora, mas continua a ser o nosso Rio, as flores e os limos primaris continuam a ser os mesmos, a água já não é tão cristalina como dantes, mas continua a ser a nossa água... E é nele que ainda hoje me apeteçe molhar os pés, enquanto recordo a minha avó a lavar roupa numa pedra!

Beijo grande!

São
soumaiseu a 22 de Junho de 2010 às 18:50
COMP--- 1Barra Lateral Posição 9-- M M M object width="170" height="200">
Hospedagem
Hospedagem
M " border="0" />
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Posts mais comentados
11 comentários
9 comentários
8 comentários
6 comentários
5 comentários
VEJA AS HORAS
RELÓGIO
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Meu amigo, tenho esperado que venhas aqui dar noti...
Olá amiga SãoMuito obrigado pelas suas palavras de...
Força meu Amigo! Que Deus esteja contigo e te ajud...
Amigo Adolfo muito obrigado pelas suas palavras de...
Amigo Francisco Afonso só hoje tomei conhecimento ...
:-) Fico tão contente por ti! :-) Ainda bem que es...
Olá amiga São.Antes de mais obrigado pelas palavra...
Tens um texto para ti no meu blog. Quando puderes ...
Meu querido amigo.... só agora vi este teu post e ...
Bom dia SãoFoi com imenso prazer que recebi a tua ...
mais sobre mim
blogs SAPO